Uma mensagem

para Bárbara Vidal

Há algo a ser dito
nas páginas dos jornais
nas ondas de rádio e TV

.

algo subentendido
.........subterrâneo
.........subscrito

.

..........mensagem prestidigitadora.

.

Algo a ser dito
nos palanques e nas praças
nos púlpitos e nos prostíbulos
para incitar
.........excitar

.

.........os fatos
.........os feitos
.........as farsas

.

.........(as forças do povo?)

.

Uma palavra-percevejo
a pinicar nossos glúteos glaciais.

.

Uma imagem-granada
diante de nossas fuças acomodadas.

.

Um ruído sísmico
que abale os alicerces dos templos
...........................................das mansões e dos castelos

.

...........................................dos imensos eucaliptos enfileirados
...........................................dos chifres dos bois em procissão

.

...........................................do prédio da FIESP

.

...........................................dos bancos.

.

Há algo a ser dito
(sempre)
e que não é.

.

Uma senha?
Uma sanha?

.

Sagarana?

.

.

Confira a postagem original: https://versosnalinhadotempo.com/2010/08/11/a-ser-dito/

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s